sábado, 6 de novembro de 2010

O jovem cavalo amarelo de cabelos terriveis esta embaixo

Eu sou como o francês: terrivel

A lingua francesa, pela proximidade que tem do Português, permite certas deduçoes que fazem com que ela se passe por um idioma de facil aprendizado. A primeira vista, claro. Porque tem aquelas palavras/expressoes safadas que soh existem pra me fazer falar feito idiota. 

Jeune, por exemplo, é "jovem". Mas se eu nao fizer o bico certo, e eu nunca faço, eu vou falar jaune ("amarelo"). Entao, frases do tipo "ela é uma menina bastante amarela" sao frequentes. 

Cheveux é "cabelos". Mas quando eu vou falar dos meus, sempre falo chevaux ("cavalos"). Entao, vocês imaginam o olhar do meu interlocutor quando digo que meus cavalos estao secos.

Terceiro termo que eu nunca pronunciarei decentemente: dessous ("embaixo") - com biquinho no e - e dessus ("em cima") com biquinho no e e no u. Na pressa da fala, eu faço biquinho até nas consoantes, que é pra nao ter perigo de errar - o que nao faz o menor sentido, claro.

Eteindre: apagar
Etendre: estender
Attendre: esperar

E qual o problema de, ao invés de dizer "eu vou apagar a luz e estender a roupa", falar "eu vou esperar a luz e desligar a roupa"? De repente é isso mesmo que eu quero. Esperar o Senhor e... desligar... a roupa. Normal.

Outro dia, eu tava lendo pra Camilo um texto que eu vou apresentar na proxima segunda-feira (meda!), quando surgiu a frase "il s'en branle". Eu li a frase errada. Ele deu uma risada.

- O que foi? 
- A pronuncia certa é il s'en branle ("ele nao ta nem aih"). 
- E eu li o que?
- Il se branle.
- E isso quer dizer o que?
- "Ele se masturba".
- ...

Pra garantir uma nota acima de zero, cortei a frase da minha apresentaçao.

Ha uns meses descobri o si jamais. Numa primeira vista, parece significar "se jamais...", dando uma idéia de negaçao. Mas, na verdade, quer dizer "se por acaso isso acontecer SIM... blablabla". Mas nao foi facil entender isso. A mae do guri me pedia pra fazer as coisas, mas colocava a porra do si jamais no meio da frase. Pelo contexto parecia que eu deveria fazer, mas o jamais me confundia e eu ficava "finalmente,  é pra fazer ou nao é?" Hihi

E nessa linha "afirmo e nego ao mesmo tempo", tem o pas terrible. Pas é um termo que exprime ideia de negacao em francês:

Le garçon est content (o menino esta feliz)
Le garçon est pas content (o menino nao esta feliz)

Logo, uma coisa pas terrible seria "nao terrivel", logo "boa". Mas nem sempre a logica é logica.  Pas terrible é "terrivel" mesmo. Mas terrible pode ser bom ou ruim, como no português. Depende da entonaçao dada. Mas eu adoro o francês. Eh uma lingua... terrible! 

::


E, pra finalizar, queria agradecer a uma borboleta de lindo nome por esse selinho. Ganhar selinho e cerveja faz muito meu dia! Uh! Obrigada!

36 comentários:

Rita disse...

HAHAHAHAHAHA!! Eu li o título do post CINCO vezes antes de seguir lendo, senhor... Achei que tava ficando louca. Morri de rir depois! E lembrei de meus alunos do inglês... do dia em que um escreveu "embottlement" (!!!!!!) na redação para dizer engarrafamento. Hehehe, é que "bottle" é garrafa, então... no, dear, o certo é traffic jam mesmo. :-)

Beijinhos de biquinho.

Rita

Palavras Vagabundas disse...

Querida só posso lhe desejar muitos biquinhos! Eu tenho trauma de francês já fiquei reprovada por causa dele.
bjs
Jussara

disse...

Maridao tem essas mesmas dificuldades até hoje, depois de 3 anos estudando francês e 5 anos morando aqui! Todos os dias ele lava os "cavalos", apesar de não moramos numa fazenda. O meu problema continua sendo soletrar o meu proprio sobrenome, com o raio do "U". As vezes eu lembro de seguir a sua dica e ai' funciona! Pior é quando tenho que soletrar o 1° sobrenome que tem um "Q". Tai' uma pergunta que vc podia fazer pro Camilo... qual a pronuncia certa de "Q"? E' igual a "cul" mesmo?

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Eu adoro francês. Estudei quase dois anos, adorava as aulas, mas infelizmente aprendi bem pouquinho... Melhor anotar essas dicas que você dá, porque infelizmente gírias, palavrões ou palavras como masturbação, eles não ensinam nos cursos, pelo jeito a pessoa só aprende na prática e apanhando mesmo, rsrsrsrs...

Abçs

Juliana disse...

eu fiz o mesmo que a rita: li várias vezes e até achei que fosse problema do twitter. como uso o Chrome, que traduz automaticamente as palavras, fiquei achando que só podia ser uma das traduções loucas do Chrome.

Tô rindo horrores pra variar!

Muito cheio de sutilexas esse francÊs, hein! Eu não ia dar conta,não!

beijo

Caso me esqueçam disse...

rita: pois seu aluno acertaria o chute se o fizesse em frances: garrafa aqui eh "bouteille" e engarrafamento é "embouteillage"

palavras: eu sou reprovada todo dia por essa questao de bicos. mas nem ligo hihihi

dé: vou perguntar a camilo como se fala o Q porque falo o tempo todo pra soletrar meu sobrenome. eu nao falo o Q como se fosse "cul" porque tenho medo hehehe faço um Q com biquinho mesmo. entao, como o povo entende, nunca me preocupei pra saber se tava certo :X

laurinha: pois farei um post sobre todas as girias e safadezas que eu conhecer hehehe cultura util nesse blog, ja!

juliana: po, tou começando a achar que eu exagerei nesse titulo hahahaha

Sardenta disse...

Sabe que tive a mesma impressão quando comecei o francês? Morro de medo de falar uma coisa tipo: eu sou uma puta, obrigada.
e eu espero, sinceramente que isso não aconteça com vc, se é que não aconteceu ainda! hehe

Caso me esqueçam disse...

VACA! eu vou fazer meu post de palavroes dedicado a tu! aih quando tu chegar na frança, tu vai xingar e se portar feito um cara da periferia! tu vai ser a estrangeira recem-chegada mais por dentro do mundo! e tu fudê com alisson em francês! vai ser muito sexy!

Caso me esqueçam disse...

*e tu vai

tou escrevendo sem ler hoje. eh esse negocio que eu bebi...

Borboletas nos Olhos disse...

Esse negócio que tu bebeu é cerveja? Tem pra mim? Nem vou repetir o quanto este post está hilário...bjs e bjs

Borboletas nos Olhos disse...

PS. Eu sou eu, ou melhor, aquela foto é dos meus dentes e o que tem ao redor dos dentes sou eu, rsrrs

Iara disse...

Olha, a do "jeune" e "jaune" é um clássico. Eu também já disse lá na família que os meus amigos eram todos bem amarelos.

Pra falar eu sempre confundi muita coisa. Mas tem um pra mim que é um clássico na hora de compreender. "à droite" e "tout droit". Várias vezes perguntava informação, me diziam que era "tout droit", e a lesada aqui virava na 1ª a direita. Depois aprendi, mas sabe qdo vc não assimila. Toda vez que ouve tem fazer o esforço mental pra diferenciar. Pois é, assim até hoje...

Mariana disse...

Mesmos problemas aqui Luci! Exatamente os mesmos! os cabelos/cavalos eu ja consegui superar... para superar todos os outros eu ainda me esforço sempre!!!
ai ai...haja biquinho!!!
bjus!

Simone disse...

Mas olha pensa pelo lado positivo, o francês pelo menos dá pra tentar adivinhar por semelhança, e o raio do holandes, tentei me lembrar de um erro aqui a pessoa queria dizer morangos "aardbeien" mas falou o nome de uma coceira que dá nas partes intímas, isso no supermercado, e até hoje eu não consigo perceber a diferença entre morangos e essa palavra.

Beijos

Glória Maria Vieira disse...

Eita, Chefa! NEM ME FALE NESSA BOBA CIPÓ DE BIQUINHO ATÉ UMAS "ZORAS"! Qnd eu fazia meu cursinho (parei pra vir pra cá cursar Jornalismo!:(), a "professeur" pegava no pé que era uma beleza! Não sei como eu não dei um jeito "no beiço" de tanto fazer bico! (exagerada não,"ça mostra"! AUHAUHSUAHSUHAHS)

Não cheguei a passar vergonha com o francês, pq como eu dizia era tão certo qnt que o seus cavalos estão seco já que as pessoas não sabiam mesmo(kkkkkkkk Me sentia linda, viu?! AUHAUHSU), MAS em port. por essa questão de duplo sentido, Chefia do céu, eu já paguei muito mico só pra variar.

E SIM: PARABÉNS PELO SELO, LUCI LUCI CAMILO DIAS MATOS DE ARAÚJO VIEIRA TRABALHADA NA POTÊNCIA! kkkkkkkkkkkkkkk Que feliz, Chefa!:D :D Ebaaaaaaaa! \o/

isabela disse...

hahhhahahahaa
sensacional!
e, realmente, o título é digno de nota. 10

(ôxe, mas vc pôs e tirou os 100ml dali do ladinho de lá? eu ia comentar que tinha amado... :-S)

Aline Mariane disse...

também misturo cavalos e cabelos, jovens e amarelos... ai, ai... hehe
E o pior: eu confio no corretor do Word (se eu não confiar nele, vou confiar no quê? Em mim?!). Fiz todo um trabalho escrevendo "concourant" (gerúndio de "concourir") no lugar de "concurrent", concorrente. Dois sons que eu não vejo diferença e não sei falar: os "u" e os "an"... Nem preciso falar que meus coleguinhas corretores morreram de rir, né?! =o/ pffff
Bjss!

Bia, Desperate Housewife disse...

Francês vi por 2 semestres na graduação e só instrumental. Peguei implicanciazinha =oP; achei meio chato, enfim.
Mas adoro essas sutilezas da língua!... Um beijo

Caso me esqueçam disse...

respondendo à dé: é, a pronuncia certa do Q é "cul" mermo hahahaha nao sabia! sempre pronunciei como se fosse "que" com biquinho. perguntei a camilo "mas amor, se eu falar 'cul' ninguém vai rir de mim nao?" e ele "luci, você ja saiu da escola". hahahaha

borboleta: éééé! cerveja! hehehehe mas de barriga vazia esse negocio eh um perigo :X (e perguntei pela foto porque ela é taaaaao legal! é aquele tipo de foto de gente sorridente que faz a gente sorrir também!) gostei de te ver :)

iara: eita! tinha esse também! eu ja dei uma informação errada a uma mulher assim hehehehe por isso que eu nao gosto de dar informação, tah vendo? :/

mari: pois eu ainda tenho que me concentrar pra nao trocar as bolas… um dia chega. nao chega?

simone: hahahaha olha, eu respeito muito quem tem que aprender alemão e holandês, viu. respeito! porque francês é língua latina. basta um pouco de esforço. mas holandês? credo.

gloria: quando tu tiver colocando em pratica teu francês (numa visitinha que tu vai me fazer), a gente passa mico juntas, beleza? :D (adorei meu sobrenome! hahahaha)

isabela: você tah perguntando se eu tirei seu blog dos meus favoritos? tirei nao. eh porque soh aparecia os dez primeiros atualizados, mas ele continua la, claro! :)

aline: tou adorando saber que eu nao sou a única a me confundir nesses termos. uufff! e pra mim os sons de AN e EN sao o pesadelo. pra falar certo eu tenho realmente que parar a frase e me concentrar no tal som de "O-aberto-anasalado". tomar no cu! negocio chato!

bia: eu fiz francês ha muuuuitos anos, quando nem pensava em vir pra frança. mas soh durou um semestre mesmo (ou menos que isso) justamente pelo fato de que eu nao tava pensando em vir pra frança. se eu tivesse continuado naquela época, nao teria passado sufoco com essa língua doida.

::: Luís Venceslau disse...

ahhahaha Só tu pra me fazer rir agora.. Eu adoro essas paradas linguísticas. Tipo, qdo eu vi "Ne me quitte pas" em Presença de Anita eu deduzi q era "não me deixe" e era mesmo! Ne (não), me (mim, eu), quitte (tipo 'quit' dos programas de computador, sair, deixar) e o pas eu deixei pra lá..

Drixz disse...

kkkkkkkkk

Vc me fez lembrar do meu professor fanho de fonética do francês tentando ensinar a diferença entre vin, vingt e vent. A parada foi tensa.

Isadora Rubim disse...

Seu blog esta no meu top 5! Me divirto muito cada vez que entro aqui.
Eu também tenho um problema sério com os meus cavalos, ops, cabelos.
E demorei muito pra entender o tal do "terrible".

Helena disse...

Morri de rir do "il s'en branle", ainda bem que tu tirou da apresentação, Luci! :D
Mas o que era mesmo que tu queria dizer?

Eu tenho os mesmos problemas, mas elaborei uma tática infalível: quando falo uma dessas palavras repito ela duas, três vezes, de maneiras diferentes, daí uma delas vai estar certo e a pessoa vai entender, heheh

Helena disse...

Ah, me lembrei de uma palavra que sempre me atrapalhava em francês. Quando alguém diz que "fulano é spécial" não tem o mesmo sentido para a gente. Para eles, o "spécial" é algo diferente, estranho, bizarro. Para nós, é o contrário, ser "spécial" é muito bom! :)

disse...

Valeu Luci! Agora posso falar "cul", digo, "Q" sem medo de ser feliz. :-)

Juju J'adore disse...

Kkkk Adorei o post comigo é igualzinho cada palavra q vc citou, e tem também Pescoço q eu nunca falo em frances com emdo d errar no biquinho heheheheh.
Bjinhooos

Isa disse...

Adorei, muito bom, to rindo até agora...
Com certeza seu blog vai pros meus favoritos, grande bj!
Isa
http://a-vida-de-isa.blogspot.com

Line disse...

Hahahaha! Morri, rsrs.
Meus cavalos estão secos, hahaha! Num guento com vc não!

Beijo!

benzina disse...

na problema do etendre, eteindre,attendre, adicione o entendre (escutar) que tb entra pra foder mais ainda.

no dessous e dessus, temos sorte pq é "en dessous" e "au dessus", isso ajuda!

quando fizer o post sobre palavrao, posso dar uma consultoria a vc e camilo! :D

Mari Biddle disse...

Luciana, ainda bem que 'casei com estrangeiro' e vim parar em um país de lingua ingles porquê cara, eu tô véia para aprender um trem novo e complicadinho como o francês. Tia minha casou com espanhol radicado em Paris. Ela foi passar dois anos na França com o marido por causa da dificuldade dele em arranjar emprego no BR (o cara é formado em cinema) daí que um dia ela me aciona dizendo que tinha mandado tudo as favas e que tinha esgotado todos os foras que ela poderia ter comentido com a lingua francesa.


Mas tu é xóvem e bela então, arrasa aê mas nos conte quando outras gafes ocorrer pq a gente 'se diverte'.

Beijocas!

Mari Biddle disse...

*inglesa

Ana Pe disse...

São 3:30 da manhã aqui no Brasil e a insônia me atormentando... mas ainda bem que existe vc e os seus textos maravilhosos!
Luci, mate a minha curiosidade, vc já falava alguma coisa de francês?! ou aprendeu tudo aí, na marra???
Bjus

so sad disse...

eu tive uma professora de frances muito chata, fiquei com birra da lingua, rs.
beijo!

Borboletas nos Olhos disse...

Como não se pode comentar lá...comento aqui: beijinhos carinhosos e palavras como se fossem um abraço, viu?

Rita disse...

Outro abraço segue daqui. Pensando em ti. Bj.

Rita

Borboletas nos Olhos disse...

Baby, tem um selinho pra você...porque seu blog me faz feliz, tá?

Talvez

Related Posts with Thumbnails